Início >> Noticia >> Estudantes atendidos pelo TerPaz assistem à Orquestra Sinfônica
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Estudantes atendidos pelo TerPaz assistem à Orquestra Sinfônica

Mais de 200 estudantes já incluídos em ações do Programa Territórios pela Paz (TerPaz) assistiram, na manhã desta quarta-feira (06), a um concerto didático da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP), com regência do maestro assistente Pedro Messias. A iniciativa Governo do Pará foi realizada pela Secretaria de Estado de Cultura (Secult), em parceria com a Academia Paraense de Música (APM) e direção do Theatro da Paz.
 
O evento cultural e educativo reuniu na centenária casa de espetáculos paraense 211 alunos das escolas Barão de Igarapé Miri, localizada no Bairro do Guamá, em Belém; Maria de Nazaré Marques Rios, no Icuí Guajará, município de Ananindeua, e Liceu Encanto - Escola de Artes e Ofícios Mestre Raimundo Cardoso, no Bairro Ponta Grossa, distrito de Icoaraci (Belém). Todas estão inseridas nas políticas públicas executadas em dois dos sete territórios atendidos pelo TerPaz.
 
O concerto didático teve um repertório variado. Abrindo a apresentação, a OSTP executou o "Concerto de Brandemburgo, nº 3”, do compositor alemão Johann Sebastian Bach, com destaque para os instrumentos de corda. Em seguida, os alunos conferiram o 4º movimento da "Sinfonia nº 29", do austríaco Wolfgang Amadeus Mozart, além do 1º movimento da “Sinfonia nº 5”, do também austríaco Franz Peter Schubert.
 
Aprendizado - Para Alanis Ribeiro dos Santos, 11 anos, aluna do Liceu Encanto, a oportunidade foi enriquecedora. "Hoje, eu realizei um sonho: é a primeira vez que vejo uma orquestra tocar ao vivo, e é a primeira vez que venho ao Theatro da Paz. Eu achei esse concerto muito legal. Como estudo música no Liceu, foi a materialização do que aprendemos em sala de aula", disse a estudante.
 
A OSTP também apresentou a obra "Dança Húngara", do alemão Johannes Brahms, que traz ao universo erudito o folclore da Hungria, com inspirações na cultura cigana, e integra um conjunto de 21 composições, originalmente para piano.
 
O repertório incluiu também a "Suíte Sargento Kijé", do ucraniano Serguei Prokofiev, e para finalizar houve um toque brasileiro, com variações sobre a composição "Mulher Rendeira", de Fernando Morais.
 
Fonte Agência Pará